Últimas notícias sobre empréstimo consignado do INSS 2021

Últimas notícias sobre empréstimo consignado do INSS 2021

No post de hoje, você pode conferir quais são as últimas notícias sobre o empréstimo consignado do INSS 2021, como ficou a margem consignado, e muito mais.

Muitas pessoas enxergam no empréstimo consignado, a oportunidade de conseguirem um dinheiro de forma rápida e segura, o qual será devolvido à credora em pequenas parcelas, cujo desconto é feito diretamente da folha do pagamento ou do benefício de quem solicitou o valor.

Falando assim, parece um processo tranquilo, rotineiro e sem grandes obstáculos. De fato, era. Porém, com a chegada da pandemia, muitos setores foram afetados, incluindo a área de finanças pessoais. 

Algumas pessoas estão inseguras com relação aos empréstimos consignados, especialmente pelo fato de surgirem várias notícias sobre o assunto.

Por isso, trouxemos aqui as últimas notícias sobre empréstimo consignado do INSS 2021, para você ficar por dentro de tudo sobre esse assunto e ter as informações necessárias para fazer escolhas inteligentes.

Notícias sobre o empréstimo consignado do INSS 2021

Pensando nisso, resolvemos trazer aqui, as últimas notícias relacionadas ao tema de empréstimo consignado do INSS. 

Comentaremos as principais manchetes que estão circulando pela internet, e vamos buscar explicar e apontar detalhes do que aquele conteúdo quer dizer, e o impacto que ele tem sobre seus possíveis empréstimos no futuro.

Margem consignável aumentou para 40%

A primeira notícia que iremos tratar, é com relação ao aumento da margem consignável neste ano de 2021. 

De acordo com o texto aprovado pelo Presidente, o empréstimo consignado poderá comprometer até 40% do salário da pessoa. Sendo o valor direcionado ao cartão de 5%, e o restante aos empréstimos.

A medida tem prazo de duração, sendo possível os trabalhadores, pensionistas e aposentados, realizarem essa solicitação até o último dia do ano (31 de dezembro). 

Esse aumento veio em uma ótima hora, já que muitas pessoas estão precisando de um valor extra para enfrentarem a situação que o país está vivendo, com um grande aumento do desemprego.

Diminuiu o prazo para solicitação de empréstimo consignado por beneficiários do INSS

Essa notícia também traz novos horizontes para aqueles que precisam do empréstimo consignado.

Afinal de contas, de acordo com a Instrução Normativa 113/2021, novos beneficiários do INSS não precisam mais esperar o prazo de noventa dias, para solicitarem o valor que necessitam. 

Na realidade, para haver um fluxo e circulação maior de dinheiro, foi aprovado a liberação de empréstimo após um mês.

Ou seja, depois que o beneficiário completa trinta dias recebendo pelo INSS, ele terá o seu acesso desbloqueado. Assim, ele poderá solicitar o valor de empréstimo consignado que esteja precisando naquele momento. Tornando o procedimento mais ágil, e com um tempo de espera menor.

Aumento da taxa SELIC

A próxima notícia não é uma das melhores para esse momento. Mas, segundo as projeções feitas pelo mercado financeiro, até o final deste ano, a taxa SELIC irá aumentar. 

Caso não saiba, essa taxa são os juros básicos que custam para a liberação de uma linha de crédito. Logo, quando o valor do SELIC aumenta, os preços do empréstimo ficarão mais caros.

Atualmente, o SELIC está em 4,25% ao ano. Entretanto, segundo essas previsões, a taxa pode chegar até 6%. Para o ano de 2022, a projeção é que chegue em dezembro com 7%. 

Em outras palavras, a busca por empréstimos pessoais pode diminuir nos próximos meses. Assim como os valores pagos mensais sobre o crédito tendem a ficar mais caros. Porém, o consignado não deve ser afetados por esse aumento da SELIC.

Descontos ou suspensão dos pagamentos referentes ao empréstimo

Vários projetos de leis e notícias, foram divulgados sobre o assunto de suspender as parcelas do empréstimo. Ou até mesmo dar um desconto aos beneficiários, devido a situação econômica do país. 

Contudo, até o momento não houve nenhum projeto aprovado que determine que as instituições financeiras devem reduzir os valores descontados em folha.

O que saiu, na verdade, foi uma aprovação do Governo em permitir que as credoras tomem essa decisão. Em outras palavras, é a credora quem decide se irá suspender temporariamente, ou se dará descontos aos seus beneficiários.

Por isso, caso tenha algum empréstimo consignado, verifique junto à instituição financeira, se ela oferece opções mais flexíveis para o pagamento das parcelas do seu crédito.

Empréstimo consignado para os beneficiários do Bolsa Família

A ideia aqui é oferecer para as pessoas que recebem o auxílio do Bolsa Família, a possibilidade de realizarem o empréstimo consignado. 

Ainda em tramitação, esse projeto permitirá que o beneficiário comprometa até 30% do seu auxílio, com o valor de empréstimo oferecido por alguma instituição financeira.

Essa decisão tem gerado algumas polêmicas. Pois esse valor pode ajudar muitas famílias que estão passando por problemas financeiros.

Entretanto, a longo prazo, pode causar uma dívida de valores altos a pessoas de baixa renda. Por isso, é um tipo de empréstimo que devemos pensar bem antes de solicitar.

E essas foram algumas das últimas notícias sobre empréstimo consignado do INSS 2021. 

Estamos sempre atentos às principais notícias sobre o mundo financeiro, principalmente quando o assunto é crédito consignado, para oferecer sempre o melhor serviço para você!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *